Jacobina Maurer no Divã

  • Renato Dias
  • Sonia Porto Machado

Resumo

A história é uma ficção inspirada no episódio conhecido como A revolta dos Mucker (falsos santos), ocorrida no morro Ferrabraz, em 1873-74, na atual cidade de Sapiranga-RS. Os Mucker, segundo Moacyr Domingues (1977), foi uma comunidade de colonos alemães isolada no morro Ferrabraz, falando somente alemão, sem assistência médica, educacional e religiosa, onde João Maurer era o curandeiro do lugar e Jacobina Mentz Maurer, sua esposa, era considerada santa. Em torno deles formou-se uma seita, ocupando o lugar da religião oficial: a católica. Os princípios da seita determinaram modificações nas relações econômicas e sociais com outras comunidades alemãs e brasileiras. Após vários conflitos na região, o Império mandou o Exército atacar o lugar. Os Mucker foram assassinados, Jacobina morta e considerada louca. Ela foi, inclusive, internada na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre de 24 de maio a 13 de junho de 1873.

Publicado
24-10-2018
Seção
Arte e Psicologia